top of page

Praça do Toboágua em Piratininga virou espaço de arte e conscientização ambiental

Rio de Janeiro, 06/11/2022

Por Redação GBNEWS

Fotos: Divulgação

A Praça do Toboágua EM Piratininga, Região Oceânica de Niterói, ganhou um colorido todo especial neste sábado (05). Durante toda a manhã, crianças e familiares participaram de uma atividade interativa que uniu arte, conscientização ambiental e muita integração ao espaço público, como forma de divertir a garotada e mostrar na prática um pouco de cidadania. Eles participaram do evento “Mosaico na Praça – Se essa Rua fosse Minha”. A programação conta com: exposição; oficinas de arte; espetáculo teatral; ioga; oficina de agroflorestal; entre outras atividades foi aberta ao público em geral.

Com um pouco de noção sobre o mestre da escola Florentina, Sandro Botticelli. Passando pela cultura Brasileira com Tarsila do Amaral, os pequenos também participaram e viram oficinas ambientais. Os pequenos puderam inclusive aprender sobre o processo de preservação e limpeza de lagoas.

Luanda Maia Portugal, mãe de Carolina de seis anos, adorou a ideia de ter a escola fora dos muros:

“Isso reflete toda a prática que eles recebem no ambiente escolar como a questão das artes que ´e muito trabalhada na escola, e verificamos isso pela evolução até mesmo dos desenhos que vão ficando cada vez mais elaborados. A questão da ecologia e alimentação natural mostrando a saúde. A criança passa a ter uma visão sustentável que irão c arregar para a vida “. essa atividade de hoje mostrou muito de todo esse conceito “disse Luanda.

A Escola Cultural Mosaico instalada numa área de 5 mil metros quadrados próximo a uma reserva florestal na Região Oceânica de Niterói, trabalha com consciência colaborativa em diversas frentes. No local existem 29 canteiros com hortaliças, vegetais e frutas semeados e mantidos com a ajuda dos alunos. A alimentação na escola é preparada com tudo aquilo que é colhido nos próprios canteiros.


“Esse trabalho para além de seus muros é de fundamental importância não só pela construção de cidadania. É uma reflexão sobre que espaço ocupamos. É fundamental que a criança possa ser educada dentro da cidadania e que ela se veja pertencente e sendo assim ela começa a entender que deve cuidar desse espaço . É um movimento de respeito entre famílias e do mundo em que elas vivem. É a nossa contribuição para provocar nas crianças uma outra forma de ver o mundo que, com certeza, vai refletir no adulto que eles serão”, completa a educadora.

E quando o assunto é mostrar que o mundo respira cultura desde todos os tempos e que arte é vida a lição vem de Gracia Baldez, disse Arte Educadora e diretora Cultural da Mosaico:


“É importante que as crianças entendam e vejam desde pequenas essa linguagem plástica. Precisamos desse contato mais humano. Essa metodologia ajuda a consciência social através do método natural. Em nosso ateliê e nesta atividade de hoje mostramos toda a história da arte então crianças de três anos tem acesso a artistas como Botticelli ou Tarsila, Van Gogh de um jeito natural. Nesse momento o homem tem que se preocupar com a vida.”


A concepção da escola é baseada na preservação ambiental, com móveis confeccionados em madeira de reflorestamento. Materiais plásticos não entram na ambientação. Os brinquedos foram especialmente preparados para incentivar as crianças no enfretamento de desafios e exploração de novas experiências. O evento contou com o apoio da Prefeitura de Niterói




Commentaires


bottom of page