top of page

Drive-thru solidário de São Pedro da Aldeia segue amanhã (19) com a D3

Rio de Janeiro, 18/9/2021

Por Aline Torres Guimarães

Fotos: Bruninho Volotão

O Drive-thru Solidário de Vacinação continua a imunizar a população de São Pedro da Aldeia neste domingo (19) com uma novidade. Além do público-alvo deste sábado (18), o evento dá início à aplicação da dose de reforço (D3) no município. A terceira dose da vacina estará disponível para os idosos com 80 anos ou mais que residem na cidade e vacinaram-se com a segunda dose (D2) há, pelo menos, seis meses (entre 20 de janeiro e 19 de março deste ano).


Mais de 120 funcionários municipais atuaram no drive-thru, dentre eles servidores das Secretarias de Saúde e Assistência Social, Guarda Municipal, entre outros.


A força-tarefa será realizada até este domingo (19) no estacionamento da loja de departamentos Havan, no bairro Campo Redondo, das 8h às 13h.

Além de garantir o avanço da vacinação em massa na cidade, a ação vai proporcionar atos de solidariedade entre moradores. Todos os participantes poderão doar alimentos não perecíveis, cobertores e agasalhos. Os produtos arrecadados serão destinados à Secretaria Municipal de Assistência Social para distribuição aos assistidos por dispositivos oficiais do nosso município como o Centro de Referência de Assistência Social (CRAS).


O acesso ao mutirão é pela Estrada dos Passageiros, na área de carga e descarga, nos fundos da loja, com saída pela RJ-140. A gestão municipal ressalta que os cidadãos devem seguir os protocolos de segurança sanitária, como o uso de máscara e higienização frequente das mãos com álcool em gel. No ato da vacinação, é necessária a apresentação de documentação pessoal com foto, cartão do SUS e comprovante de residência atualizado.


A vacinação foi realizada em seis fileiras, com profissionais realizando o cadastro e aplicando a vacina. Uma mesa foi exclusiva para pedestres. O fluxo de carros ocorreu sem entraves durante todo o evento.


Jovens convocam população para imunização

Com 18 anos, Cauã de Andrade, recebeu a primeira dose da vacina neste sábado (18) e destacou a relevância da população apta a receber o imunizante buscar a vacinação. "Estava ansioso para receber a vacina. É muito bom saber que já estou com a primeira dose. Tem pessoas que ainda não tomaram, e é muito importante que todos se vacinem. Agora é manter os cuidados e retornar para a segunda dose", disse.


Já Ivan Guilherme, também de 18 anos, morador do bairro Flexeira ressaltou que estava ansioso para tomar a primeira dose. "É o primeiro passo para acabar com a pandemia e tudo voltar ao normal".


Comments


bottom of page