top of page

Cineclube itinerante Cine&Manas estará em Niterói, Rio Bonito e Campo Grande

Rio de Janeiro, 13/01/2023

Por Redação GBNEWS

Fotos: Divulgação

O Cine&Manas é um projeto de exibição cineclubista que através da linguagem audiovisual promove debates e busca fomentar o cinema nacional dirigido, produzido e protagonizado por mulheres cis e trans, desde 2017 na região metropolitana do Rio de Janeiro. As sessões do cineclube itinerante vêm com a intenção de provocar nos espectadores momentos de escuta, troca de saberes e experiências, além de ser um espaço de experimentação para artistas mulheres realizarem apresentações artísticas que se relacionam com a curadoria dos filmes e amplificam a experiência cineclubista para além dos debates teóricos.

As primeiras sessões do ano vão acontecer em Niterói, no Caminho Niemeyer, nesta sexta-feira (13) e no Teatro Popular no sábado (14). No dia 17, terça-feira, o cineclube acontecerá no Espaço Cultural Lona na Lua, em Rio Bonito. E fechando a semana, no dia 19 (quinta-feira), o projeto atravessa a ponte Rio-Niterói, levando para Campo Grande, na Casa Bosque, uma programação cultural e exibição de documentário estrelado por Linn da Quebrada.


“O Cine&Manas, mais do que apenas um espaço de exibição de filmes, é um espaço de experimentação artística feminina. Um espaço de encontros entre público e obras artísticas, audiovisuais e multilinguagens que se convergem e geram uma experiência reflexiva e de encantamento”, conta Helena Claro, curadora e produtora do projeto.

“A Manas Produtora vai realizar 10 sessões na zona oeste em 2023. A primeira sessão do ano é uma abertura desse caminho, então a gente quis trazer uma programação cultural muito potente para conversar com a exibição do Bixa Travesty. O público da Casa Bosque é sempre muito receptivo e que anseia muito por esse tipo de programação.”, conta Carolina Rodriguez, produtora cultural e uma das idealizadoras do projeto Cine&Manas


Programação completa: Dia/Hora: 13 de janeiro, às 16h. Local: Auditório CODIM, Caminho Niemeyer Filme: Sangue Entre as Pernas, direção Gisele Motta Sinopse do filme: A história de quatro mulheres se vincula por uma cor e uma substância: o vermelho sangue que desce pelas pernas. A menarca, a primeira experiência sexual, o aborto e o parto são momentos que que marcam o que é ser bicho-fêmea. Juju (11), Febe (16), Geise (19) e Brena (35) esbarram umas nas outras sem se darem conta, em breves encontros promovidos pelo destino. Classificação 16 anos

Cine&Manas convida Jovens Comunicadores (projeto de comunicação popular com jovens periféricos de Niterói e são Gonçalo) Atividade pós Sessão - Debate com Thaís Guerra (atriz, artista plástica e produtora) e Fernanda Sixel (Coordenadora da Coordenadoria de Políticas e Direitos das Mulheres da Prefeitura de Niterói)

Dia/Hora: 14 de janeiro, às 19h Local: Teatro Popular Oscar Niemeyer Filme: Uma Paciência Selvagem Me trouxe Até Aqui, direção Érica Sarmet Elenco: Zélia Duncan, Camila Rocha, Bruna Linzmeyer, Clarissa Ribeiro e Lorre Motta.

Sinopse: Cansada da solidão, a motoqueira Vange (Zélia Duncan) atravessa a ponte Rio-Niterói até uma festa lésbica, onde conhece quatro jovens que compartilham entre si o lar e os afetos. Um encontro de gerações; uma homenagem às que nos trouxeram até aqui. Classificação 18 anos Atividade pós sessão haverá debate sobre fomento e produção audiovisual na cidade, com Raquel Aguiar conselheira da Câmara setorial de audiovisual de Niterói.


Dia/Hora: 17 de janeiro, 17h

Local: Espaço Cultural Lona na Lua - R. Des. Admario Alves de Mendonça, 121 - Cidade Nova, Rio Bonito - RJ Filmes: Cores e Botas, direção Juliana Vicente e Memória Traçadas, direção Luane Bento dos Santos. Classificação: Livre Atividade pós sessão: breve debate sobre sonhos, seguida de oficina lúdica.


Dia: 19 de janeiro, às 18h Local: Casa Bosque - Estrada da Caroba, 449 - Campo Grande Filme: Bixa Travesty, dir. Claudia Priscilla, Kiko Goifman; A Hora do Banho, dir. Cenobitch Monroe. Classificação: 18 anos

Atividade pós sessão: Haverá debate com a artista multimidia, performer e escritora Cenobitch, a cantora Dayo, com mediação de Galba Gogóia, sobre processos criativos. Após o debate será realizada a performance Corpo Velado, pocket show de stand up comedie e um show com Dayo Nogueira. Sobre os filmes: Filme Bixa Travesty (2019) Com: Linn da Quebrada, Jup do Bairro, Liniker de Barros Sinopse: O corpo político de Linn da Quebrada, cantora transexual negra, é a força motriz desse documentário que captura a sua esfera pública e privada, ambas marcadas não só por sua presença de palco inusitada, mas também por sua incessante luta pela desconstrução de estereótipos de gênero, classe e raça. Filme: A Hora do Banho

SINOPSE: Uma obra experimental sobre a auto experimentação (intoxicação) com próteses bioquímica (hormônios), suas causas, efeitos e sobre disforia de gênero.


Comments


bottom of page