top of page

Blitz Educativa do Detran marca início de atividades do Maio Amarelo

Rio de Janeiro, 10/5/2023

Por Redação GBNEWS

Foto: Alexandre Simonini/Detran.RJ


Em comemoração ao Maio Amarelo, o Detran.RJ realizou, na manhã desta quarta-feira (10), uma blitz educativa na Ponte Rio-Niterói. Motoristas e motociclistas que passaram pela praça do pedágio foram orientados por agentes da Coordenadoria de Educação sobre os principais cuidados para evitar acidentes no trânsito. A blitz foi uma parceria entre Detran.RJ, Ecoponte, Lei Seca, Polícia Rodoviária Federal e Sest Senat. A ação contou com o Circuito de Cones’, em que os motoristas são convidados a usar óculos que simulam os efeitos do consumo de álcool e de drogas ilícitas ao volante. Ao final da participação, foram distribuídos brindes educativos. “Desde ontem, estamos iniciando as comemorações do Maio Amarelo. Hoje orientamos motoristas e motociclistas fluminenses sobre a importância de um trânsito seguro. Nesse mês de consciência para os acidentes de trânsito, separamos diversos eventos para reforçar a importância da direção defensiva”, explicou o presidente do Detran.RJ, Adolfo Konder.

A diretora de Segurança no Trânsito da Secretaria Nacional de Trânsito (Senatran), Maria Alice Nascimento, esteve presente na ação e reforçou a importância de atividades educativas para diminuir os índices de mortes no trânsito. “Atualmente, o Brasil é o 3º maior país do mundo com mais acidentes de trânsito. É importante a união entre as instituições e a sociedade civil para mudarmos o cenário atual e evitar fatalidades no trânsito”, destacou Maria Alice. O coordenador de Educação para o Trânsito do Detran.RJ, Armando Ueda, completou: "Estamos na rua com nossa equipe de Educação oferecendo ações para conscientizar o cidadão fluminense. Até o final do mês vamos realizar mais atividades. O Maio Amarelo é uma data importante para intensificar essas ações e mostrar para a sociedade que precisamos atentar o nosso olhar sobre a questão do trânsito”.

Acostumada a trafegar pelo trânsito do Rio, a motofretista Rafaela Santos participou do circuito com os óculos que simulam o consumo de bebida alcoólica e ficou espantada com a demonstração. “Acabei de passar pela atividade e fiquei assustada com a simulação da mistura bebida e direção. Essas ações são de extrema importância para o motorista perceber que o trânsito precisa se tornar um lugar seguro para todos”, disse.


Comentários


bottom of page