Biblioteca itinerante circula em vários bairros de Maricá

A BiblioSESC é uma biblioteca itinerante que vai percorrer quatro locais de Maricá. Começou na sexta-feira (17) em Ponta Negra. A parceria da Prefeitura com o Sesc estabelece que a biblioteca estará de segunda a quinta-feira, cada dia num local diferente, durante um ano oferecendo cerca de 3 mil livros para empréstimo aos moradores. As obras são variadas. É possível encontrar livros de temática infantil, infanto-juvenil, livros didáticos, literatura nacional, internacional, HQs, mangás e diferentes tipos de revistas

                                                                                              (fotos Elsson Campos)

 

"É uma boa coisa que a Prefeitura está dando para a gente. Eu vou poder ler mais do que eu leio normalmente. Agora teremos mais livros disponíveis", disse Bernardo Ramos, o estudante de 10 anos e morador do bairro.

 

Os locais por onde a biblioteca itinerante irá passar serão Ponta Negra, na praça central (segunda-feira); Itaipuaçu, na Praça do Ferreirinha (terça-feira); Inoã, atrás da UPA (quarta-feira); e Centro, ao lado da Praça Orlando de Barros Pimentel (quinta-feira). O horário de funcionamento é de 11h às 16h30. 

                                                                                                                                        CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Para fazer o cadastro e ter direito ao empréstimo das obras é bem simples, basta comparecer ao local da biblioteca itinerante munido de CPF, comprovante de residência e identidade. Cada pessoa pode pegar até três livros emprestados por vez, e é possível devolver nos quatro locais que a BiblioSesc estiver. Crianças também podem fazer cadastro, desde que estejam acompanhadas dos pais. 

 

Além dos livros, o projeto oferece ao público contação de história e pequenas peças de teatro. “A gente espera, enquanto Prefeitura, que os jovens, crianças e adultos tenham acesso à leitura. Essa itinerância proporcionará um contato mais próximo dessas escolas, e a comunidade de modo geral, porque o acesso a leitura amplia os horizontes da criança, do jovem, a leitura liberta”, explicou Andreia Cunha, secretária de Cultura.

 

"A cultura é importante para a cidadania, para as crianças. Eu vejo o projeto como um novo incentivo. Hoje as crianças não têm mais a vontade de ler como a gente teve na nossa educação, então para eles é um mundo novo para começar a descobrir", comentou Monique Ramos, de 30 anos. 

 

Vale ressaltar que a biblioteca itinerante funcionará todas as semanas de janeiro nos quatro locais em Maricá. Este mês a devolução tem prazo de sete dias, mas a partir de fevereiro esse prazo será estendido para 14 dias, já que a BiblioSesc funcionará semana sim, semana não.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

BiblioSesc funcionará semana sim, semana não.

 

Facebook
Twitter
Linkedin
Pinterest
Google+
Please reload

2017 @ TODOS OS DIREITOS RESERVADOS
Desenvolvido por Paula Celestino