Equipes da Prefeitura do Rio atuam para minimizar os efeitos da forte chuva na cidade

A Prefeitura do Rio mobilizou todos as secretarias e órgãos, desde o início da madrugada desta segunda-feira (13), para trabalhar nas regiões mais afetadas pela forte chuva. O Centro de Operações Rio (COR) informou que o município entrou em Estágio de Atenção, às 5h50, após o registro de chuva de 10mm em 15 minutos em pelo menos duas estações pluviométricas

Segundo o Sistema Alerta Rio, os núcleos de chuva forte já se afastaram do município. A previsão é de chuva fraca a moderada, em pontos isolados, para a próxima hora. A Defesa Civil do município informou que sirenes da Rocinha, Cantagalo e Pavão-Pavãozinho foram acionadas, mas não houve registro de ocorrências. Mesmo assim, técnicos do órgão foram a estas localidades para auxiliar e orientar os moradores. Equipes de engenheiros estão de prontidão para atendimento de eventuais chamados.

 

BOLSÕES D’ÁGUA: o COR registrou 17 pontos com acúmulo de água, sendo  que 12 ainda estão em andamento. Os principais são: Avenida Borges de Medeiros, na altura da Praça Ricardo Palma; Avenida Epitácio Pessoa, nos trechos do  Parque da Catacumba e Rua Vinícius de Moraes;  Rua do Catete, altura da Rua Silveira Martins  e Avenida Brasil, nos trechos de Parada de Lucas, Bonsucesso, Manguinhos e Caju. Equipes da prefeitura atuam na a desobstrução de bueiros nesses locais.

 

VIAS INTERDITADAS:

  1. Saída da Rua Humaitá para a Av Borges de Medeiros (Rua Prof Abelardo Lobo).

  2. Rua do Catete, na altura da Rua Silveira Martins;

  3. Av. Epitácio Pessoa, sentido Túnel Rebouças, a partir da altura da R. Maria Quitéria.

Mais cedo, foram fechados os acessos do Túnel Rebouças ao Humaitá e à Avenida Borges de Medeiros, devido ao acúmulo de água.

 

As vias foram sendo liberadas assim que era feita a desobstrução dos bueiros e o nível da água baixada. Os motoristas foram informados dos pontos de alagamento e das rotas alternativas por meio de 27 painéis de mensagens variáveis.

 

De acordo com a CET-Rio, foi montado o plano de contingência para o fechamento do Alto da Boa Vista, mas os índices previstos para bloqueio não foram alcançados. Houve ainda quatro chamados de semáforo com problemas.

> Se necessário, use os telefones de emergência 193 (Corpo de Bombeiros) e 199 (Defesa Civil).

 

Saiba mais sobre os novos estágios operacionais: http://bit.ly/novosestagios

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

  1.  

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Facebook
Twitter
Linkedin
Pinterest
Google+
Please reload

2017 @ TODOS OS DIREITOS RESERVADOS
Desenvolvido por Paula Celestino