Comando geral da PM discute violência com prefeito e vereadores de Maricá

A crescente onda de violência em Maricá e a instalação

de uma base da Polícia Militar no município, serão discutidas

nesta quarta-feira (04) no Quartel General da PM, no centro do Rio

foto Domingos Peixoto

Às 11 horas, o comandante geral da PM, coronel Luis Claudio Laviano estará recebendo o prefeito Fabiano Horta (PT), acompanhado do secretário municipal de Segurança, Celso Netto e de vereadores. Devido a essa reunião, a sessão ordinária da Câmara Municipal foi suspensa.

Além de discutir ações para conter a violência na cidade, distante apenas 60 km da capital, a instalação de uma Companhia Independente ou um Batalhão da PM também estará em pauta. A Prefeitura de Maricá por diversas vezes colocou um terreno a disposição da Corporação e se prontificou a bancar as obras, mas o Estado nunca se manifestou.

Maricá tem uma população estimada em 150 mil habitantes, é policiada por um contingente reduzido de militares e tem apenas uma delegacia policial. O 12º Batalhão da PM instalado em Niterói, também é responsável pela segurança de Maricá.