Hortaliças do Manu Manuela abastecem hospital e instituições de Maricá

O Hospital Municipal Conde Modesto Leal, a LBV e o Convento Nossa Senhora do Bom Conselho em Maricá, receberam doações de hortaliças colhidas na manhã desta sexta-feira (16), na horta comunitária do Manu Manuela. Ao todo, foram distribuídas 31 caixas de couve, cinco de alface lisa, três de salsa, três de rúcula e uma de beterraba

fotos Elsson Campos

De acordo com o secretário de Agricultura, Pecuária e Pesca, Julio Carolino (PDT), ações como esta mostram a importância de se produzir alimentos saudáveis e sem o uso de agrotóxicos. “Nesta madrugada a minha esposa Aline veio para o Hospital Conde Modesto e deu a luz ao meu filho Vitor Hugo. É uma felicidade muito grande saber que ela vai poder consumir alimentos saudáveis que eu ajudei a produzir”, afirmou orgulhoso.


Ainda segundo Julio, no próximo sábado (17), a comunidade da região receberá o segundo módulo do Curso de Capacitação em Produção Agroecológica 2018. “Acabamos de entregar títulos de propriedade para mais de 20 famílias que participaram ativamente desta horta. A ideia é que eles e outras pessoas interessadas façam cada vez mais cursos, o que os permitirá cuidar de suas terras”, comentou.

O primeiro módulo da capacitação aconteceu no dia 27/01, e teve como temática central a produção de mudas e a irrigação. Desta vez, o tema abordado será a comercialização institucional, com foco no Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE). Participaram da iniciativa a primeira dama Rosana Horta e o secretário de Economia Solidária, Diego Zeidan.


A Horta Comunitária do Manu Manuela foi implantada em junho de 2017, e compreende uma área de 29 mil metros quadrados com duas modalidades de plantio. A horta tradicional, feita em covas, e a que utiliza o formato de mandala.

O projeto foi idealizado pela Prefeitura de Maricá, por meio das Secretarias de Agricultura, Pesca e Pecuária e Economia Solidária, e tem parceria com Companhia de Desenvolvimento de Maricá (Codemar), com a associação de moradores do Manu Manuela e a Cooperativa de Trabalho em Assessoria a Empresas Sociais de Assentamentos da Reforma Agrária (Cooperar).

presas Sociais de Assentamentos da Reforma Agrária (Cooperar).