top of page

Vasco ganha cachaça oficial com embalagem que remete ao uniforme do clube

Rio de janeiro, 12/6/2023

Por Redação GBNEWS

Foto: Divulgação

Todo time de futebol possui em sua trajetória diversos acontecimentos que fazem com que cada um seja único e tenha uma parcela de contribuição na história do esporte no Brasil. Um deles é o Vasco, fundado em 21 de agosto de 1898, na cidade do Rio de Janeiro. A história do Club de Regatas Vasco da Gama já começou de uma maneira inusitada. Inicialmente, o clube criado por imigrantes portugueses que trabalhavam no comércio do Rio de Janeiro era um clube de remo.


O nome foi uma homenagem ao navegador português Vasco da Gama, pois naquele ano eram comemorados os 400 anos da viagem do almirante à Índia. Só em 1916 é que o Vasco estreou no futebol. Em um período onde o futebol ainda era um esporte elitizado, o time foi o primeiro da história que lutou contra o preconceito contra negros, pobres e analfabetos. Além de acolher e aceitar pessoas que até então eram marginalizadas, o Vasco foi o primeiro clube esportivo do Brasil que elegeu um presidente negro.


Com diversos títulos ao longo da história e com uma das maiores torcidas do Brasil, a destilaria Seleta decidiu lançar a Cachaça Cruzmaltina, um produto licenciado oficial em homenagem ao Vasco. O nome da cachaça é uma referência aos torcedores do time, que são conhecidos como cruzmaltinos.


Esse termo foi criado por conta do escudo do Vasco, que estampa uma Cruz Pátea, que até então acreditava-se que era uma Cruz de Malta. Essa cruz era aplicada nas embarcações e nos estandartes do explorador português Vasco da Gama à época das grandes navegações e do descobrimento do Brasil.

Já a cor preta do escudo do Vasco remete aos mares desconhecidos do Oriente, desbravados por Vasco da Gama, enquanto que a rota descoberta pelo almirante é representada pela cor branca da faixa diagonal. O escudo ainda possui referências aos esportes aquáticos.


A garrafa da Seleta Cruzmaltina foi feita pensando no torcedor que gosta de colecionar itens oficiais do time ou então que quer presentear um outro torcedor. O rótulo da bebida simula uma camiseta do clube com o símbolo do Vasco em destaque.


A bebida é uma típica cachaça produzida em Minas Gerais, conhecida como a Capital Mundial da Cachaça. A Seleta Cruzmaltina é envelhecida em barris de amburana por dois anos e seis meses e apresenta aparência levemente dourada e aroma intenso e adocicado. A garrafa possui 700 ml e graduação alcoólica de 42%.


“O Vasco é um clube com muita história, um dos maiores do futebol brasileiro. Além de ser o primeiro campeão de um torneio sul-americano, foi pioneiro em contratar jogadores negros, comerciantes e pessoas de baixa renda em um período que isso não acontecia. Um time com um passado tão glorioso e marcante não poderia ficar de fora da nossa coleção Seleta Times”, explica Gilberto Luiz, diretor executivo da marca.


Por conta de ser um time que acolheu pessoas que até então não eram aceitas nos clubes, os outros times tentaram boicotar o Club de Regatas Vasco da Gama assim que ele começou a vencer os grandes. Eles proibiram que analfabetos participassem dos jogos, o que fez com que o clube contratasse um professor para ensinar os jogadores a escrever os nomes para preencher a súmula.


Outro marco na história do clube é que o maior artilheiro da história do campeonato brasileiro é do Vasco. Roberto Dinamite marcou 181 gols pelo clube e outros nove pela Portuguesa.


A Seleta Cruzmaltina pode ser adquirida em diversos PDVs ou na loja oficial da marca: www.lojaseleta.com.br


Comentários


bottom of page