top of page

Renovado convênio para castração gratuita de 700 cães e gatos por mês em Itaboraí

Rio de Janeiro, 12/9/2023

Por Redação GBNEWS

Foto: Secom/PMI

A Secretaria Municipal de Agricultura de Itaboraí (SEMAGRI) renovou o convênio por mais um ano com o Governo do Estado para os serviços do RJPET, programa que oferece castrações gratuitas para cães e gatos, com validade até setembro de 2024. O objetivo é beneficiar 700 animais por mês no município. Em Itaboraí, o programa já realizou quase três mil castrações, entre cães e gatos. De acordo com a SEMAGRI, para conseguir a castração gratuita, os protetores de animais e moradores precisam se cadastrar no endereço eletrônico do RJ PET (https://rjpet.com.br/). É disponibilizada uma castração mensal por CPF. Em Itaboraí, duas ONGs protetoras formalizadas podem cadastrar até 30 animais por mês. Para cães, o peso mínimo deve ser de 5kg e máximo de 25kg. Já para gatos não há limite de peso. O secretário municipal de Agricultura, Abílio Pereira, destacou a importância da renovação da parceria com o Governo do Estado para saúde animal de Itaboraí. "A castração de cães e gatos é de suma importância para a saúde pública e para o bem-estar do próprio animal. E por meio desses procedimentos gratuitos nas clínicas, conseguimos realizar o monitoramento e controle do número de animais no município, além de oferecer um tratamento mais adequado e humanizado para cães e gatos. Importante ressaltar que após as castrações, estamos realizando feiras de doações desses animais em diferentes pontos da cidade", disse o secretário. A castração gera benefícios para o animal, como a redução do comportamento de marcação de território; evita gestação indesejada, infecção uterina e transmissão de doenças; diminui os riscos de desenvolver câncer, tumores e cistos ovarianos e aumenta a expectativa de vida. Em Itaboraí, o convênio prevê que uma clínica possa realizar os procedimentos e, no mínimo, 700 castrações por mês. A escolha da clínica veterinária foi realizada pela SEMAGRI, por meio dos seguintes critérios: centro cirúrgico dentro das normas do Conselho Regional de Medicina Veterinária (CRMV-RJ); ter a capacidade para a quantidade mínima de 700 castrações mensais e documentações necessárias em dia, como alvará sanitário e outros. A proporção de castração é de seis machos para duas fêmeas. A castração é realizada de terça a quinta-feira, das 8h às 16h, e dura de 20 minutos a uma hora, com os animais sendo liberados acordados, entre duas e três horas após o procedimento. O pós-operatório é de responsabilidade do tutor do animal.



Comments


bottom of page