top of page

Quaquá cutuca Paes sugerindo Horta para governador

Rio de Janeiro, 16/6/2024

Por Gilson Barcellos

Fotos: Divulgação

Diante de uma multidão Quaquá sugeriu o nome de Horta para a eleição de 2026


Numa festa política jamais vista em Maricá, Região Metropolitana do Rio de Janeiro, o vice-presidente nacional do PT e deputado federal Washington Quaquá lançou na sexta-feira (14) sua pré-candidatura a prefeito da cidade tendo como vice o presidente regional da agremiação, João Maurício, o Joãozinho, ex-secretário de Governo da Prefeitura local.

Quaquá diante de um público estimado em 20 mil militantes que lotaram as dependências do Esporte Clube Maricá aproveitou para alfinetar o amigo prefeito do Rio, Eduardo Paes (PSD,) indicando para governador em 2026, o nome do prefeito Fabiano Horta (PT), que em 31 de dezembro termina o seu segundo mandato.

 

Entenda o caso:

 

O PT com apoio do presidente Lula indica o nome do ex-presidente da Alerj, André Ceciliano para ser o vice na chapa de Eduardo Paes que tentará a reeleição. O prefeito carioca até o momento não abriu mão do nome do seu afilhado político, deputado federal Pedro Paulo (PSD). Paes pensa em ser candidato a governador em 2026 e, para isso, terá que deixar a prefeitura do Rio meses antes da eleição. Daí, quem assumiria o seu lugar em definitivo seria o vice. Quem? Pedro Paulo (que estava presente na festa de Quaquá na sexta-feira) ou André Ceciliano? Até agosto, prazo para registrar os candidatos no TRE muita água vai rolar debaixo da ponte.

 

Indicação:

O botafoguense Fabiano Horta passa ser a bola da vez dos petistas para disputar o governo do estado em outubro de 2026

 

Prefeito de Maricá por duas vezes, Quaquá exaltou o legado de Fabiano Horta e se disse preparado para dar continuidade ao trabalho. “Não existe no Brasil um prefeito que tenha uma aprovação de 94% entre bom e ótimo. Só existe em Maricá. É o melhor gestor público do País. Agora nossa missão é dar continuidade ao ótimo trabalho do Fabiano. Faremos de Maricá uma cidade ainda melhor para as pessoas e as famílias”, completou Quaquá. “Fabiano será lançado em novembro nosso candidato majoritário a governador do Rio de Janeiro.”

 

Ligações com Maricá

Fabiano Horta, Felipe Auni (autor da homenagem na época vereador), Eduardo Paes e Washington Quaquá

 

O prefeito Eduardo Paes tem ligações com os petistas de Maricá. O atual prefeito Fabiano Horta quando era deputado federal, tirou licença na Câmara para ser secretário de Economia Solidária de Paes. Atualmente, Diego Zeidan, filho de Quaquá e vice-prefeito licenciado, é o titular da secretaria que foi ocupada por Horta na capital fluminense.

 

Eduardo Paes apesar de ter falado uma besteira sobre Maricá numa ligação telefônica com Lula, recebeu o título de Cidadão de Maricá.

 

Presenças:

Entre os petistas estavam os deputados federais Benedita da Silva e Dimas Gadelha, a prefeita de Japeri, Fernanda Ontiveros, os deputados estaduais Zeidan de Maricá, pré-candidata a prefeita de Itaboraí, Marina do MST, Verônica Lima e Renato Machado, além da vereadora carioca Tainá de Paula. Os deputados federais Talíria Perrone, pré-candidata do Psol à Prefeitura de Niteroi, Pedro Paulo (PSD), Bebeto (PTB), Júlio Lopes (Progressistas) e Marquinhos Tavares (PDT) e Zito, pré-candidato a prefeito de Caxias, compareceram ao Esporte Clube Maricá, assim como o presidente estadual do PSB, Alessandro Molon.

 



Comments


bottom of page