top of page

Feriados de novembro: atenção redobrada na estrada também por causa dos animais

Rio de Janeiro, 14/11/2023

Por Redação GBNEWS

Desde 2017, mais de 16 mil animais silvestres terrestres perderam a vida nas rodovias do Estado do Rio por atropelamento. O levantamento foi realizado pela professora Dra. Cecília Bueno, coordenadora do Núcleo de Estudos de Vertebrados Silvestres da Universidade Veiga de Almeida (UVA), a partir do cruzamento de registros oficiais disponíveis. A especialista alerta ainda que esses números são subdimensionados, uma vez que há poucos estudos e monitoramentos nas estradas fluminenses visando a prevenção da vida animal nas rodovias.

Com os feriados e férias chegando, há grande aumento na circulação de veículos nas estradas fluminenses e mesmo de fora do Rio. Portanto, é importante ressaltar os cuidados que se deve ter na estrada, além da necessidade de avisar as autoridades, caso um animal seja encontrado.

Para se ter ideia, no feriado de 7 de setembro, uma quinta-feira, somente na Ponte Rio-Niterói, o fluxo foi de 741 mil veículos durante os quatro dias de folga. Os próximos feriados de novembro devem procurar um novo aumento da circulação dos automóveis.

A professora Cecília informa que as concessionárias, a Polícia Florestal e os batalhões do Corpo de Bombeiros (193) são as autoridades que devem ser avisadas em caso de se encontrar animais na pista vivos, feridos ou mortos. “É importante fazer o registro para, além de salvar os bichos quando houver oportunidade, mapear esses encontros e, com os mapas, tomarmos as ações preventivas necessárias. Existe um aplicativo recém-criado pela Fundação CEPERJ (Centro Estadual de Estatísticas, Pesquisas e Formação de Servidores Públicos do Rio de Janeiro) e disponível nas lojas Play Store e IOS dos celulares, gratuito, chamado RJ é o Bicho. Com este aplicativo, qualquer um pode fazer um registro de animal nas estradas. Recomendo também que todos procurem saber o número dessas autoridades antes de viajar”, frisa a especialista.

Outro ponto salientado pela professora é a importância de se reduzir a velocidade quando passar por alguma passagem de nível para animais e estar com distância segura do veículo da frente para o caso de frenagens rápidas. “Atenção às placas é vital para todos, incluindo os animais”, reforça.

Dicas para evitar acidentes com animais

- Ligue para a concessionária ou para o 193 em caso de avistar animal na pista

- Reduza a velocidade quando passar por alguma passagem de nível para animais

- Mantenha distância segura do veículo da frente para o caso de frenagens rápidas

- Respeite os limites de velocidade e as placas de sinalização nas vias. Com isso, o risco de atropelar um animal e causar acidentes será muito menor

- Ao avistar animais atravessando a pista, pare seu veículo e aguarde

- Redobre a atenção ao trafegar nessas vias nos horários de crepúsculo, quando os animais são mais ativos

- Diminua a velocidade ao trafegar nas áreas do parque próximas de rios ou cachoeiras, pois os animais são mais frequentes nestes locais


コメント


bottom of page