top of page

DER-RJ: Tragédia anunciada na RJ-106 em Inoã, Maricá

Rio de Janeiro, 10/01/2022

Por Gilson Barcellos

Foto: Internet

Ao que tudo indica o Departamento de Estradas e Rodagem do Rio de Janeiro (DER-RJ), órgão do governo estadual, está aguardando uma tragédia para tomar providências quanto a interdição da passagem subterrânea de pedestres na Rodovia Amaral Peixoto (RJ-106) em Inoã, Maricá.


A passagem subterrânea foi interditada no dia 12 de novembro sob a alegação de que pode desabar. Nenhuma escora foi colocada e para facilitar a travessia de pedestres nos dois sentidos, o DER-RJ instalou quebra-molas a alguns metros antes do radar no lugar de instalar uma passarela metálica. No local, Guardas Municipais e PMs ajudam os pedestres na travessia ocasionando congestionamentos em direção a Niterói e Maricá.


O GBNEWS entrou em contato com a Comunicação Social do DER-RJ no último dia 03 de janeiro para saber quais as providências serão tomadas de imediato. Até hoje (10), não houve retorno.

Passagem subterrânea interditada


Enquanto isso, trafegam por cima do túnel interditado, carros de passeio, caminhões, ônibus e carretas. Será que o comando do DER-RJ está esperando uma tragédia para tomar providências?


A Rodovia Amaral Peixoto (RJ-106) tem cerca de 200 quilômetros de extensão, com buracos e sinalização precária, começa em Tribobó (São Gonçalo) e atravessa diversas cidades, entre elas, Maricá, Saquarema, Araruama, Iguaba Grande, São Pedro d’Aldeia, Cabo Frio, Casimiro de Abreu, Rio das Ostras e Macaé.


No trecho que corta Maricá, as pistas e o canteiro central têm manutenção constante graças a intervenção da Prefeitura.


Comentarios


bottom of page