top of page

Defesa Civil de Maricá não registra ocorrências graves em consequência das fortes chuvas

Rio de Janeiro, 08/01/2022

Por Gilson Barcellos

Foto: Agência GBNEWS

Motoristas sofrem em Itaipuaçu com ruas e avenidas alagadas e inúmeros buracos e crateras que causam acidentes e quebradeira dos veículos


As chuvas que atingem Maricá nas últimas horas, em dados momentos com maior intensidade, mantém o plantão da Secretaria de Proteção e Defesa Civil Municipal em estado de alerta. “Até o momento, 17h deste sábado (08) nenhuma ocorrência”, afirmou o secretário Fabrício Bittencourt ao GBNEWS.


Ao meio dia de hoje (08), a Secretaria de Defesa Civil de Maricá divulgou na sua rede social o seguinte Informe:

“A atuação de uma Zona de Convergência do Atlântico Sul (ZCAS) provocou chuva fraca a moderada ao longo desta sexta-feira (07) e madrugada e manhã do dia de hoje (8), gerando os seguintes acumulados em 24h nos postos pluviométricos da rede CEMADEN instalados no município de Maricá: 70,68 mm em Espraiado, 36,9 mm em Itapeba, 29,74 mm em Ponta Negra, 20,4 mm em Inoã, 9,73 em Itaipuaçu e 5,2 em Itaipuaçu2. Destaca-se que este sistema vem provocando chuva fraca a moderada no município de Maricá desde quinta-feira, 6/01/2022. A previsão do tempo continua a ser de chuva fraca a moderada nos próximos dias.


Fonte: Centro de Monitoramento Meteorológico da Secretaria de Proteção e Defesa Civil de Maricá. Em caso de Emergência ligue 199 ou 21 97000-5782 (WhatsApp) ”


Neste domingo, várias ruas de Maricá ficaram alagadas, sendo que a pior situação é no Distrito de Itaipuaçu, onde nas principais vias a água encobre os buracos e crateras causando acidentes e quebradeira de motos, veículos de passeio, ônibus e caminhões.


Comments


bottom of page