top of page

Carnaval 2023-Sextou: hoje é dia de ensaio da União de Maricá

Rio de Janeiro, 20/01/2023

Por Gilson Barcellos

Fotos: Agência GBNEWS

Diretoria da União de Maricá unida e confiante que o desfile deste ano seja o passaporte para desfilar na Marquês de Sapucaí a partir do Carnaval 2024


A partir das 20 horas, a Escola de Samba União de Maricá estará realizando mais um ensaio para o desfile neste carnaval com o enredo "Eu sigo Nordestino", de autoria do carnavalesco Renato Figueiredo. A escola de samba irá exaltar o Nordeste, região de um povo valente, guerreiro e grande caldeirão cultural. Com apoio da Prefeitura de Maricá, escola maricaense fomenta a cultura do carnaval, uma das manifestações populares mais democráticas, que permite a participação de vários setores da sociedade.

O presidente da escola, Tadeu Marinho, conhecido como Tadeuzinho, ressaltou que o enredo foi pensado na homenagem ao povo nordestino. “Nosso enredo traz a raça, superação e a saga do povo nordestino que se supera a cada dia, além de mostrar um pouco da sua tradição. Nosso objetivo é encantar os jurados, o público e irmos rumo a Sapucaí”, disse.

A vermelho, ouro e branco de Maricá vai desfilar na sexta-feira (24/2) com 18 alas, divididas em três setores com 680 componentes, sendo a 11ª agremiação a cruzar a Estrada Intendente Magalhães, na Zona Norte do Rio, pela Série Prata. O samba, interpretados por Matheus Gaúcho e Ito Melodia, levará para avenida o refrão: “Essa gente arretada do Brasil é essência que fulora num ‘repente’, em cada palmo de chão, da pátria mãe gentil, vive nordestinamente”.

O carnavalesco Renato Figueiredo conta que pretende levar para avenida um grito contra a xenofobia, além de passear por toda a tradição nordestina. “O carnaval é uma festa do povo, da união, do respeito a ancestralidade, da luta pela igualdade e liberdade de expressão. É a voz que clama contra quaisquer tipos de preconceitos e exclusões. Enredar o Nordeste é exaltar o Brasil e celebrar o orgulho nordestino. Vamos levar o cordel, o mandacaru e Ariano Suassuna para avenida”, explicou.

A agremiação levará para a comissão de frente a literatura de cordel em forma de arte, com tonalidades preto e branco. A escola começa a ganhar cores nos setores dois e três. A escola ainda contará com dois carros alegóricos e um tripé.


Reconhecimento


A diretoria da agremiação recebeu na manhã desta quinta-feira (19), para um café da manhã, os principais veículos de comunicação de Maricá, no seu galpão na Rodovia Amaral Peixoto (RJ-106) ao lado da sede do Corpo de Bombeiros.


“Contamos com o apoio de vocês jornalistas de Maricá. Sabemos da importância da mídia local que acompanha o dia a dia da cidade. O trabalho de vocês é fundamental. Estamos colocando à disposição um camarote na Intendente Magalhães para que possam trabalhar com todas as condições no desfile das escolas de samba, principalmente no da União de Maricá. Vocês terão vans para o transporte de ida e volta, internet, alimentação e tudo que for necessário para a realização do trabalho”, garantiu o presidente Tadeuzinho.



Comments


bottom of page