Eleição 2020: Dimas explica moeda social para feirantes de São Gonçalo

Dimas (PT) e Marlos (PDT), candidatos a prefeito e vice-prefeito na coligação São Gonçalo Pode Mais estiveram nas feiras livres da cidade neste domingo (18), onde puderam explicar o funcionamento da moeda social que será implantada na cidade, caso vençam as eleições.

"Caminhar pelas feiras locais é ter a oportunidade de conversar com pessoas que apostam na cidade e precisam ver a economia local crescer com investimentos. Com a moeda social Tamoio que vamos implantar nos moldes da moeda Mumbuca de Maricá, vamos garantir que a economia da cidade tenha giro. Será um cartão com um recurso determinado onde a pessoa só poderá utilizar nos estabelecimentos comerciais cadastrados, não vai ter dinheiro vivo, mas vai ter poder de compra, dentro de São Gonçalo", esclareceu.

 

A dona de casa, Marlene Almeida, perguntou se mesmo idosos e aposentados terão direito ao benefício.

"A ideia é sim beneficiar a população mais carente. Infelizmente num primeiro momento, vamos começar pelos setores e estes serão os mais necessitados. Mas a economia local vai ser bem planejada e isso vai levar a possibilidade de gerar emprego e renda se verdade, como Maricá conseguiu fazer em plena pandemia. Garantindo a movimentação da economia local em setores que ficaram abandonados na maioria das cidades", explicou Dimas.

 

Dimas esteve ainda em reuniões com candidatos à uma das 27 vagas no legislativo gonçalense.

Nesta segunda-feira (19), Dimas grava programa eleitoral do rádio e da televisão e também se reúne com candidatos em diversos bairros da cidade para apresentar o programa de governo.

 

 

 

Facebook
Twitter
Linkedin
Pinterest
Google+
Please reload

2017 @ TODOS OS DIREITOS RESERVADOS
Desenvolvido por Paula Celestino