Pela primeira vez na história PDT de Maricá terá pré-candidatas índia e transsexual


A nominata do PDT-Maricá está completa para ser homologada na convenção do partido que será realizada no dia 12 de setembro. São 26 pré-candidatos a vereador, com oito mulheres, entre elas, a indígena Suzana Para’í e a transsexual Loretta Yang. O PDT vai apoiar a pré-candidatura do prefeito Fabiano Horta (PT) à reeleição.

Suzana Para’í e Loretta Yang a força das mulheres do PDT-Maricá

Índia

Inicialmente uma das vagas para disputar a eleição de novembro pelo PDT-Maricá, seria para o cacique da Tribo Guarani, Darci Tupã, que desistiu indicando a filha Suzana Para´í que estuda direito para futuramente defender o seu povo, não só na área jurídica como também no legislativo.

Em 2008, quatro homens armados num carro de placa de Belo Horizonte (MG), atearam fogo que destruiu todas as cinco ocas da aldeia dos Tekoá Itarypu, de etnia Guarani, que ficava na praia de Camboinhas, em Niterói. No momento, só havia crianças, entre elas Suzana que não gosta de falar sobre o assunto.

A aldeia guarani foi acolhida pelo então prefeito de Maricá, Washington Quaquá (PT) e instalada na Restinga, área de São José do Imbassaí.

Trans

Também pela primeira vez, Maricá terá uma candidata a vereadora transsexual. Não foi por acaso. Estava escrito no destino político.

Dentro de uma van que fazia a ligação Maricá-Rio, André Carcará, um dos coordenadores de campanha do PDT-Maricá, numa conversa com Loretta Yang, ela disse que gostaria muito de entrar para a política, se candidatar, mas que nenhum partido iria abrir espaço para uma trans por puro preconceito.

“Você quer disputar uma cadeira de vereadora em Maricá? O PDT te dá essa oportunidade”, disse André que recebeu um sim de Loretta que se filiou ao partido e é pré-candidata na cota das mulheres. Ela garante que na Câmara de Vereadores será uma voz atuante no combate a todos os tipos de preconceito.

Loretta Yang trabalha num salão de beleza em Ipanema, Zona Sul do Rio, como maquiadora de artistas e figuras da alta sociedade do Estado do Rio de Janeiro.

Na Câmara de Vereadores Loretta Yong garante que vai combater todos os tipos de preconceitos