Coronavírus: futuro presidente do TSE não pensa em adiar as eleições municipais

Futuro presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que assume em maio, o ministro Luís Roberto Barroso diz que não há motivos para cogitar qualquer adiamento nas eleições municipais deste ano.

                                                      Ministro Barroso assume o comando do TSE em maio

 

Atual vice-presidente do TSE, Barroso acredita que até outubro a pandemia do coronavírus estará sob controle. O primeiro turno está marcado para 04 de outubro; o segundo, para 25 daquele mês; e o prazo para filiações partidárias para quem pensa em ser vereador ou prefeito termina no próximo dia 04 de abril. Neste mesmo dia, também termina o prazo para os vereadores que querem trocar de partido sem o risco de perder o mandato.

 

Hoje, as maiores preocupações do TSE envolvem a paralisação da coleta de biometria de eleitores e a conclusão de uma licitação que prevê a compra de até 180 mil novas urnas para as eleições municipais, a um custo de R$ 696,5 milhões. Uma resolução do TSE paralisou a coleta de biometria de eleitores para assegurar a saúde dos servidores da Justiça Eleitoral.

 

 

Facebook
Twitter
Linkedin
Pinterest
Google+
Please reload

2017 @ TODOS OS DIREITOS RESERVADOS
Desenvolvido por Paula Celestino