Flamengo conquista a América: Campeão da Libertadores 2019


Num jogo emocionante e contrariando os "secadores", o Flamengo venceu de virada, nos últimos 5 minutos, o River Plate da Argentina. A partida disputada em campo neutro, em Lima, Peru, parou todo o Brasil que ficou voltado para os telões nas ruas, estádios e restaurantes, com transmissão também para Portugal terra natal do "Mister" Jorge Jesus

Com faro de gol, Gabigol fez os dois do Mengão que tinha sofrido um gol no início da partida. Os campeões da Taça Libertadores 2019 chegam ao Aeroporto Internacional do Rio por volta das 8h deste domingo e vão desfilar em carro aberto na Avenida Presidente Vargas, com a saída na Candelária em direção ao monumento de Zumbi dos Palmares, na Praça Onze, ponto final do evento.

Gabigol foi o artilheiro e Bruno Henrique o craque da Taça Libertadores. A torcida rubro-negra também fez bonito em Lima. Cerca de 20 mil flamenguistas foram ao estádio para prestigiar e empurrar o time à vitória.

O Flamengo também pode comemorar neste domingo (24) a conquista antecipada do Campeonato Brasileiro. Basta o Palmeiras não vencer o Grêmio.

Bandeira de Mello foi quem começou a trajetória vitoriosa do Mengão

A atual diretoria do Flamengo no lugar de levar como convidados alguns mulambos, deveria ter incluído na sua delegação que conquistou a Libertadores em Lima, o ex-presidente Eduardo Bandeira de Melo. Foi ele que com sua competência tirou o Flamengo do fundo do poço possibilitando que os atuais dirigentes rubro-negros montassem esse elenco vitorioso. Vamos parar de fazer politicagem e reconhecer os méritos de quem merece. Que tal incluir Bandeira de Melo na delegação que disputará o Mundial em dezembro? É só uma sugestão!