Plano mais Brasil é um grande avanço para o equilíbrio fiscal, avalia Firjan

 A Firjan (Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro) considera as medidas do Plano Mais Brasil um passo fundamental para a retomada do equilíbrio das contas públicas, sobretudo para estados e municípios, onde o quadro é de grave insolvência. 

De fato, os gestores públicos têm apresentado dificuldade para equilibrar o orçamento e o resultado disso é a precarização dos serviços públicos e a baixa competitividade para geração de empregos e atração de investimentos. Segundo o IFGF - Índice Firjan de Gestão Fiscal, estudo divulgado na última quinta-feira, 31 de outubro, 74% do total de municípios brasileiros administra de forma ineficiente seus recursos.

 

Nos últimos anos, as soluções encontradas para essas questões se resumiram em distribuir receitas extraordinárias para estados e municípios. Entretanto, o aumento de recursos, sem a devida contrapartida de ajuste de contas, é um alívio passageiro. A solução para a situação fiscal do Brasil passa, necessariamente, pelas reformas estruturais que pensem o País de maneira integrada, com prefeituras e governos estaduais envolvidos nesse processo.

 

A Firjan ressalta que não podemos mais adiar a discussão da estrutura federativa brasileira. O Plano Mais Brasil é um passo importante para isso.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Facebook
Twitter
Linkedin
Pinterest
Google+
Please reload

2017 @ TODOS OS DIREITOS RESERVADOS
Desenvolvido por Paula Celestino