Turismo: esculturas de areia homenageiam padroeira de Maricá e o Dia dos Pais

31.07.2019

                               Araçatiba é um dos points de Maricá mais visitados por turistas e moradores (fotos Evelen Gouvêa)

 

Quem passou por Araçatiba, Centro de Maricá, nos últimos dias, viu que duas novas esculturas de areia estavam sendo feitas. As obras, que homenageiam o Dia dos Pais e a padroeira da cidade, Nossa Senhora do Amparo,  foram concluídas na manhã desta terça-feira (30) e integram a lista de atrações turísticas para a orla mais frequentada da cidade. 

                                            

Morando próximo do local, Caroline Gonçalves (foto), 23 anos, aproveitava a tarde para um piquenique com amigas, todas moradoras da cidade,  bem em frente da escultura da padroeira. “Acho essa ideia muito legal, atrai as pessoas para cá, tanto da cidade quanto de fora. Antes de começarem a fazer alguma coisa aqui, não vinha quase ninguém para cá, esse pedaço era deserto. Agora tem sempre gente tirando fotos aqui nas esculturas, batendo papo, então é maravilhoso. E valoriza a arte”, lembrou.

 

Perto dali, Amanda Gomes, 33 anos, moradora do Boqueirão, apreciava o por do sol com uma amiga. “Achei muito bonitas essas obras de arte. Na verdade, as esculturas daqui sempre são muito bonitas, principalmente agora que estão fazendo homenagem para a cidade. As cores da Padroeira são vivas. Olha o design e os detalhes da Igreja. Chamam a atenção”, elogiou.

 

Os autores dos trabalhos são Rogean Rodrigues (foto) e seu ajudante Douglas Waltort. “Levamos cerca de cinco dias para realizar cada uma das esculturas. Foram três dias para fazer e dois para pintar”, contou Rogean, que esculpe há 25 anos e até dezembro de 2017 era mais conhecido pelas obras na Praia de Copacabana: “Essas duas esculturas são muito importantes para o meu trabalho porque representam segurança, amor, base e fé. Eu me inspirei na minha família, na minha filha de um ano, a Giovana, a quem, eu dou amor e protejo para que nada aconteça. Assim, as pessoas veem também a padroeira, como amor, só que através da fé delas”, explicou Rogean.   

 

Em Araçatiba, o primeiro trabalho feito foi o Papai Noel. Depois vieram a Igreja Matriz de Nossa Senhora do Amparo e o Castelo, que estão no local até hoje. “Essas duas obras tem o mesmo tempo que eu na cidade, quase dois anos. Eu faço manutenção, conserto, molho. As outras eu vou fazendo de acordo com os eventos da cidade e as datas comemorativas.

Aí depois acabo tirando, como foi com o Arraiá e a Copa América. Por isso, desde 2017 eu moro um pouco em Maricá e um pouco em Copacabana. Nesse tempo eu também fui ensinando ao Douglas a fazer as letras e a manutenção. Então, quando não estou na cidade ele me ajuda”, contou o escultor que tem o apoio da Prefeitura.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Facebook
Twitter
Linkedin
Pinterest
Google+
Please reload

2017 @ TODOS OS DIREITOS RESERVADOS
Desenvolvido por Paula Celestino