Alerj e MP discutem a implantação da tarifa social Charitas-Praça XV

28.05.2019

A Frente Parlamentar em Defesa do Transporte Aquaviário da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj), presidida pelo deputado Flávio Serafini (Psol), realiza reunião com o promotor de Justiça Alberto Flores, para cobrar apoio do Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MP-RJ) na implementação da linha social Charitas – Praça XV, determinada pela Lei 8.037/18. O encontro será nesta quarta-feira (29), às 14h, na Promotoria de Justiça, Avenida Nilo Peçanha, n.º 151, 9º andar, Centro. Na ocasião, também será discutido o edital de concessão do transporte aquaviário.

 

Atualmente, o valor da linha social no percurso Praça Arariboia – Praça XV é de R$ 6,30 e a tarifa Charitas – Praça XV em vigor custa R$ 17,60. Segundo o deputado Serafini, autor da lei, todos os trajetos de barcas licitados no Estado do Rio de Janeiro devem ter a modalidade de linha social, ou seja, linha cuja política tarifária busca garantir o direito ao transporte de todos.

 

“Hoje, a gente tem o caso da linha Charitas – Praça XV que cobra uma tarifa que é inviável para a maior parte da população. A partir dessa lei, tem que haver uma adaptação e uma linha social nesta rota”, afirmou.

 

“A implantação da linha vai impactar no tempo em que as pessoas gastam nos seus deslocamentos. A linha Charitas – Praça XV com tarifa social é fundamental para garantir o direito ao transporte dos que não têm dinheiro para pagar a passagem, especialmente dos que passam em frente aquela estação de barcas e não podem usar porque não têm dinheiro para pagar a passagem”, salientou o parlamentar.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Facebook
Twitter
Linkedin
Pinterest
Google+
Please reload

2017 @ TODOS OS DIREITOS RESERVADOS
Desenvolvido por Paula Celestino