Campus do IFF é inaugurado em Maricá para capacitar jovens do Leste Fluminense

Maricá deu um passo importante na área da educação com a inauguração do Campus Avançado do Instituto Federal Fluminense (IFF), em Ubatiba. O evento aconteceu na tarde desta segunda-feira (11), com as presenças do prefeito Fabiano Horta (PT); reitor do IFF, Jefferson Manhães; Alessandro Ferreira, secretário de Educação Profissional e Tecnológica do Ministério da Educação; prefeito de Itaboraí, Dr. Sadinoel (PMB); estudantes, secretários municipais e vereadores

Clarildo Menezes

O presidente da Comissão de Educação da Câmara Municipal, vereador Dr. Felipe Auni (PSD) vê um futuro promissor para os jovens dos municípios que integram o Leste Fluminense.

"A administração do prefeito Fabiano Horta (PT) está enxergando lá na frente o futuro dos nossos jovens, que com esse campus, serão capacitados e poderão ingressar no mercado de trabalho com uma profissão definida. Ganham todos, Maricá e os municípios que formam o Leste Fluminense", disse Auni, que representou a Câmara de Vereadores de Maricá, onde ocupa também a vice-presidência da mesa diretora.

Inauguração

Fotos: Agência GBNEWS

Durante a cerimônia solene, o prefeito Fabiano Horta discursou, comemorando a entrega de um dos mais importantes equipamentos públicos instalados em Maricá nos últimos anos.

“Não estamos entregando apenas um espaço físico, mas um local de entrelaçamento de saberes, um local onde as pessoas vão trocar conhecimento e que vai engrandecê-las. O IFF Maricá vai para além da dimensão municipal, vai cumprir um papel regional na formação de novos profissionais”, disse o prefeito Fabiano Horta.

O reitor do IFF, Jefferson Manhães, observou que o Instituto já formou mais de 50 jovens em Maricá.

“O que nós estamos vendo hoje é o resultado de um movimento de um município e de um conjunto de pessoas que querem e vem tentando alargar o horizonte de possibilidades de Maricá e o IFF é exatamente um espaço de alargamento de horizontes”, avaliou o reitor.

Alessandro Ferreira, secretário de Educação Profissional e Tecnológica do Ministério da Educação afirmou que a construção de um país começa pela a educação.

“É com grande alegria que participo da entrega dessa unidade. Acredito firmemente que não existe nenhum projeto de comunidade, de pais, de nação que não passe pela construção do conhecimento por uma educação de qualidade. E nesse sentido, parabenizo Maricá pelo empenho, força, dedicação e pela preocupação com o futuro da comunidade e dos jovens”, disse Alessandro.

Campus

Campus Avançado Maricá do Instituto Federal Fluminense foi erguido em uma área de 24 mil metros quadrados, sendo 5.400 m² de área construída e com capacidade para mais de 1.200 alunos. O complexo pedagógico, que durou cinco anos para ser concluído, conta com 12 salas de aula, uma biblioteca, refeitório, laboratórios, áreas de convivência, auditório, anfiteatro e uma quadra poliesportiva coberta, além de estacionamento e espaço reservado para um grêmio estudantil. A obra teve um custo total de R$ 12,2 milhões, em investimentos com recursos dos royalties do petróleo.

A obra começou na gestão do prefeito Washington Quaquá (PT) e o prédio principal recebeu o nome de Washington da Costa, em homenagem dada pela prefeitura a um antigo professor do Cefet.