Horta assina Memorando de Entendimento com a ONU-Habitat

09.02.2019

                                                                                                                                                                                                                                                                                                          Elsson Campos

O prefeito Fabiano Horta (PT) assinou um Memorando de Entendimento entre o município de Maricá, o Instituto Darcy Ribeiro (IDR) e a Organização das Nações Unidas (ONU). O objetivo é fomentar o desenvolvimento social, econômico e identificar a população vulnerável para o combate da extrema pobreza na cidade.

 

Fabiano Horta afirmou que a assinatura representa a consolidação de estudos e planejamentos de novas políticas públicas, como as já existentes Tarifa Zero e a Moeda Social Mumbuca.

“A cidade passa por um momento de muita transformação e mudança de natureza social e econômica. Nós queremos que a ONU-Habitat seja o instrumento nessa parceria de pesquisa, de planejamento e de modulação de questões pré-existentes na cidade. A ONU Habitat tem muito a contribuir para Maricá”, disse.

                                                                                                                                                                                   CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O presidente do IDR, Alan Novaes, afirmou que existem famílias em extrema pobreza e que não possuem documentos de identidade. “Nós pretendemos, com a experiência que a ONU tem, e utilizando os dados do Índice de Desenvolvimento Humano (IDH), fazer uma pesquisa para identificar a população de extrema pobreza e vulnerável no município”, declarou.

 

Após a identificação, as famílias serão encaminhadas a serviços públicos aos quais têm direito, porém, muitas vezes não conseguem ou não sabem que podem acessar. “Em cidades onde a parceria já acontece, os riscos sociais das famílias atendidas, desde a implementação da iniciativa, foram reduzidos em 85%”, completou Novaes.

 

Diretor regional da ONU-Habitat para América Latina e o Caribe, Elkin Velásquez, parabenizou a Prefeitura pela iniciativa e pelo interesse de criar políticas públicas para o desenvolvimento econômico e social de Maricá. “Nós temos um olhar muito positivo com esse propósito de a Prefeitura focar nos mais necessitados e não deixar ninguém para trás. Esse objetivo só pode ser alcançado quando os governos assumem esse compromisso”, afirmou.

 

A ONU-Habitat é uma agência de coordenação dentro do Sistema das Nações Unidas para as atividades relacionadas ao melhoramento dos indicadores sociais e, em colaboração com os governos, é responsável por promover e consolidar cooperações técnicas para a implementação dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS), em especial, do Objetivo 11 de “tornar as cidades e os assentamentos humanos inclusivos, seguros, resilientes e sustentáveis”. 

                  CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

 

Para executar as ações, a prefeitura e a ONU-Habitat vão compartilhar conhecimentos, informações, dados, técnicas e metodologias. Entre as ações, estão o aprimoramento de políticas públicas e ferramentas de gestão de informação territorial, fortalecimento institucional por meio de intercâmbios, pesquisas de campo e projetos de cooperação técnica visando a redução da pobreza e a vulnerabilidade da população.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Para executar as ações, a prefeitura e a ONU-Habitat vão compartilhar conhecimentos, informações, dados, técnicas e metodologias. Entre as ações, estão o aprimoramento de políticas públicas e ferramentas de gestão de informação territorial, fortalecimento institucional por meio de intercâmbios, pesquisas de campo e projetos de cooperação técnica visando a redução da pobreza e a vulnerabilidade da população.

Facebook
Twitter
Linkedin
Pinterest
Google+
Please reload

2017 @ TODOS OS DIREITOS RESERVADOS
Desenvolvido por Paula Celestino