Turismo discute propostas com Eduardo Paes em Niterói

Propostas para impulsionar a indústria do turismo no interior fluminense. O assunto é o tema principal do encontro que vai reunir, nesta terça-feira (25), em Niterói, todo o trade turístico do interior do Rio com o ex-prefeito do Rio e candidato ao governo do estado, Eduardo Paes (DEM), e com seu candidato a vice, Comte Bittencourt (PPS). Os representantes da cadeia produtiva do turismo querem mostrar a Paes a força do interior e as dificuldades enfrentadas devido aos poucos recursos destinados ao setor, que é um dos maiores geradores de emprego e renda nas áreas mais procuradas pelos turistas, como a Região dos Lagos e a Costa Verde

 

Costa do Peró - foto Ernesto Galiotto

 

-- Vamos discutir as propostas para impulsionar o setor, que é um vetor importante para a retomada do crescimento econômico e de geração de empregos em todo o Estado do Rio de Janeiro. Nós fomos procurados pelo candidato para apresentar nossas reivindicações – disse o presidente da Federação dos Conventions Bureau do Estado do Rio, Marco Navega.

 

Além dos representantes da Federação (são 16 Conventions Bureau no estado), vão participar da reunião secretários de turismo; Federação Brasileira de Hospedagem; Associação dos Agentes de Viagem; Sindicato dos Guias de Turismo; Associação Brasileira de Turismo Receptivo; OAB-RJ, etc. O encontro será realizado no Espaço Orizzonte, no Gragoatá, em Niterói, a partir das 11h.

 

Os representantes do trade vão pedir a Eduardo Paes que, caso seja eleito governador, promova uma auditoria sobre a aplicação dos recursos do Programa de Desenvolvimento do Turismo (Prodetur), financiado pelo Banco Mundial. Pedirão também mais recursos e equipe técnica especializada na Secretaria estadual de Turismo (Setur); melhoria das estradas; da sinalização turística; e, e da divulgação dos atrativos do interior nas feiras de turismo do exterior. Vão pedir também maior estímulo ao turismo regional (entre municípios), tomando como exemplo os encontros de motociclistas.

 

 

-- A atuação da Secretaria de Turismo tem sido pífia nos últimos anos por falta de recursos destinados ao setor, que conta com a secretaria e com a TurisRio, que também não pôde investir. Acabamos de conquistar para a Praia do Peró (foto) a Bandeira Azul, certificado internacional de qualidade, sem qualquer apoio da Setur e da TurisRio – lamentou o hoteleiro Roberto Saci, ex-secretário de Turismo de Cabo Frio, na Região dos Lagos.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Facebook
Twitter
Linkedin
Pinterest
Google+
Please reload

2017 @ TODOS OS DIREITOS RESERVADOS
Desenvolvido por Paula Celestino