Câmara de São Gonçalo cria Comissão de Ética para conter excessos dos vereadores

O líder do governo na Câmara Municipal de São Gonçalo, José Carlos Vicente (PSL) assumiu a presidência da recém-criada Comissão de Ética e Decoro Parlamentar da Casa. Em seu pronunciamento, disse que vai lutar para que a ética sempre prevaleça

 

                                                                                       Foto O São Gonçalo

“Pode ter certeza disso, como presidente da Comissão de Ética vou trabalhar para que o legislativo seja um local de respeito e tenho certeza que a Comissão não vai precisar funcionar porque temos nobres colegas cavalheiros que são comprometidos com o bom trabalho. É obrigação do vereador, segundo pontos do Regimento Interno da Câmara de São Gonçalo, comportar-se em Plenário com respeito. Em outro ponto, o regulamento diz sobre o respeito aos apartes anteriores: obedecer às normas regimentais, quando no uso da palavra”, explicou o parlamentar.

 

O vereador José Carlos Vicente  falou ainda que não vai tolerar ofensas em plenário e  que vai conversar sobre isso com cada parlamentar.

 

“Vamos respeitar e ouvir a fala do próximo. Enquanto um vereador faz seu discurso, os demais prestam atenção. Temos que evitar ruídos no plenário. Por educação, quem fala não é obrigado a pedir o silêncio”, finalizou.

 

José Carlos Vicente é jornalista, pertence a uma tradicional família de políticos de Niterói e é um dos mais antigos vereadores de São Gonçalo. Foi reeleito em 2016 pelo PSL com 2.360 votos.

 

Como líder do prefeito José Luiz Nanci (PPS), Vicente tem a missão de articular e discutir propostas com a base, além de orientar os governistas na hora da votação de cada matéria. Também faz o papel defensivo do governo municipal durante os debates na Câmara que tem ao todo 27 vereadores.

 

 

 

Facebook
Twitter
Linkedin
Pinterest
Google+
Please reload

2017 @ TODOS OS DIREITOS RESERVADOS
Desenvolvido por Paula Celestino