Procon autua O Queijão, Santander, CEF e agências do Itaú em Maricá

27.07.2017

Uma filial do O Queijão foi autuada por produtos impróprios ou

expostos sem o preço, além de falta de manutenção de equipamentos

                                                                       O Queijão não escapou da fiscalização do Procon Estadual    fotos divulgação/Procon

 

O Procon Estadual realizou, nesta quinta-feira (27/07), uma fiscalização de estabelecimentos na cidade de Maricá, Região Metropolitana - vários deles a pedido dos Ministérios Públicos Estadual e Federal. Todos os cinco estabelecimentos vistoriados foram autuados.

 

Quatro agências bancárias estão entre os estabelecimentos autuados. Em duas agências do Itaú, ambas localizadas na Rua Ribeiro de Almeida, números 14 e 25, a fiscalização constatou a ausência de assentos prioritários na quantidade mínima determinada por Lei. A pedido do Ministério Público, os agentes do Procon-RJ fiscalizaram uma agência do Banco Santander, localizada no número 166 da mesma rua. Eles constataram a ausência de assentos preferenciais na quantidade determinada por Lei e que o tempo de fila para a atendimento ultrapassava prazo máximo determinado pela legislação.

 

Outra agência fiscalizada à pedido do Ministério Público foi a Caixa Econômica Federal, localizada na Praça Conselheiro Macedo Soares, 84. Lá os fiscais constataram a ausência de assentos preferenciais e que o tempo de espera na fila de atendimento ultrapassava o determinado pela legislação. Além disso, a máquina de triagem localizada antes da porta de entrada da agência estava danificada, ocasionando outra fila. O banco não apresentou o certificado do Corpo de Bombeiros nem um exemplar do Código de Defesa do Consumidor.

 

Além das agências bancárias, todas no Centro, os fiscais também vistoriaram uma filial da rede de lanchonetes O Queijão, localizada na Rodovia Amaral Peixoto, nos números 80 a 82. Foram descartados pela fiscalização 500g de queijo palito que não continha a sua data de vencimento. O balcão do estabelecimento estava enferrujado e havia produtos expostos à venda sem o preço

 

 

 

Facebook
Twitter
Linkedin
Pinterest
Google+
Please reload

2017 @ TODOS OS DIREITOS RESERVADOS
Desenvolvido por Paula Celestino