Feijoada da Inocentes foi sucesso e a próxima terá Dominguinhos do Estácio

                                                                    Mestre sala e porta bandeira deram um show                    fotos GBNEWS

 

Ambiente familiar, muita gente bonita, homenagens, casa cheia, posse da diretoria, coroação da rainha de bateria, organização impecável, feijoada de dar água na boca e, principalmente, samba de qualidade foram a tônica do início da caminhada do GRES Inocentes de Maricá rumo ao bicampeonato dos desfiles das escolas de samba do município que após oito anos retornam à passarela. A 2ª Feijoada da Inocentes de Maricá será no dia 12 de Agosto, a partir das 13h, no espaço Maria do Céu, tendo como atração o consagrado compositor e intérprete Dominguinhos do Estácio.

 A 1ª Feijoada da Inocentes de Maricá foi realizada na tarde/noite deste sábado (15/7) no espaço da Maria do Céu, no bairro do Flamengo, em Maricá, quando foi coroada  rainha da bateria, Hellen Martins que deu um show de samba no pé mostrando que além de ser bonita e simpática, tem tudo para ir à frente dos instrumentistas comandados pelo mestre Sapão.

 

“Vamos realizar todos os meses até o carnaval, eventos com o objetivo de unirmos cada vez mais a família Inocentes. A renda será totalmente investida no nosso desfile. Não vamos ficar contando apenas com a subvenção da prefeitura. Aliás, agradecemos ao prefeito Fabiano Horta (PT) pelo resgate da nossa cultura com o retorno dos desfiles das escolas de samba,  tornando lei o projeto do vereador Felipe Auni (PSD) criando o “Maricarnaval” de Inverno que será realizados nos dias 28 e 29 (sábado e domingo)  de julho de 2018”, declarou o presidente da escola Alexandre Oliveira ao apresentar a carnavalesca Beth Morgado que será a responsável pelo enredo “Madeleine Colaço e o ponto Brasileiro ... que deu Samba”!!!

                                                    Beth Morgado, Alexandre e Jorge, filho de Madeleine Colaço

 

Alexandre Oliveira também deu posse aos novos diretores da Inocentes de Maricá:

 Christiano Lopes (vice-presidente), Carolina Oliveira (tesoureira), Andreia Serique (secretária), Alexandre Vieira (social), Simone Figueiredo (eventos) e Lucia Laurindo (jurídico).Tomaram posse ainda, os diretores adjuntos: Marcia Ferreira (feminino), Jhonata Siqueira, o mestre Sapão (bateria), Ivina Patrício e Daniele Lima (dança artística), Ricardo Martinelli (compras), Carminha (ala das crianças), Alex Freitas, o Teteco (geral de alas), Flávia Moraes (destaque e composição), Paulo Cesar Ilha (harmonia), Andreia Serique (barracão), Tia Erô (ala das basianas), Helena Theodoro (cultural), Edgar Pires (marketing), Gilson Barcellos (comunicação social), Romário Barros (divulgação), Alexandre Oliveira (carnaval), Antonio VG (ala dos compositores), Leco 7 Cordas (musica) e Amendoim (velha guarda).

 O intérprete Bruno Ribas, Wantuir, Carolina Oliveira, Rafael Caçula e a bateria nota 10 do mestre Sapão foram os responsáveis pela animada roda de samba que contou com uma apresentação de gala do mestre sala Wladimir Bulhões e da porta bandeira Ângela Bulhões.

 O vereador Felipe Auni (PSD) de público, voltou a agradecer ao prefeito Fabiano Horta (PT) por ter atendido aos anseios do mundo do samba maricaense ao tornar lei o seu projeto criando o “Maricarnaval de Inverno” que vai gerar renda, emprego e aumentar a arrecadação do município o ano inteiro e não somente nos dias de desfiles. Auni aproveitou para condecorar o presidente da escola Alexandre Oliveira com a “Medalha Oscar Niemayer”.

 

Marcaram presença nesta 1ª Feijoada da Inocentes e prometeram voltar para aplaudir Dominguinhos do Estácio, a secretária de comunicação social da prefeitura de Maricá, Izabel Oliveira; o viceprefeito de Tanguá Waldir que estava acompanhado dos vereadores Luciano Lúcio (presidente da Câmara), Serginho do Trailer e Ruy Duque; Nilton Caldeira, secretário municipal do Rio; Codorna, presidente do Partido Podemos); Romildo Jucá; Emerson Rocha, assessor de imprensa da prefeitura do Rio; e os empresários Pedro Alain e Maurício Chaves, da USB. Vários sambistas representaram as outras escolas de samba de Maricá e do Rio de Janeiro.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Facebook
Twitter
Linkedin
Pinterest
Google+
Please reload

2017 @ TODOS OS DIREITOS RESERVADOS
Desenvolvido por Paula Celestino